encontro nacional espaços coworking

Como foi sediar o encontro dos espaços de coworking

Compartilhe
Como primeira experiência neste encontro, ficamos muito felizes em ver um mercado que está amadurecendo e, assistindo as palestras, podemos perceber claramente que as pessoas estão apresentando muitos números e perspectivas positivas para o futuro.

 

Na sessão intitulada “Fuckup Session” recebemos três ex-fundadores que desistiram dos seus negócios e compartilharam um pouco dos erros cometidos. Foram recebidos com muito louvor, como ex combatentes de uma guerra, e suas experiências tratadas com muita seriedade por quem estava lá.

 

O resultado deste evento de dois dias foi muito positivo, vivemos o verdadeiro compartilhamento de informações, dentro de um espaço compartilhado onde o futuro do trabalho se desenha em passos largos, com o otimismo que por mais tecnológicos que seremos, nunca perderemos nossa essência de colaboração e aprendizado constante.

[/vc_column_text][/vc_column][/vc_row]

Como primeira experiência neste encontro, ficamos muito felizes em ver um mercado que está amadurecendo e, assistindo as palestras, podemos perceber claramente que as pessoas estão apresentando muitos números e perspectivas positivas para o futuro.

 

Na sessão intitulada “Fuckup Session” recebemos três ex-fundadores que desistiram dos seus negócios e compartilharam um pouco dos erros cometidos. Foram recebidos com muito louvor, como ex combatentes de uma guerra, e suas experiências tratadas com muita seriedade por quem estava lá.

 

O resultado deste evento de dois dias foi muito positivo, vivemos o verdadeiro compartilhamento de informações, dentro de um espaço compartilhado onde o futuro do trabalho se desenha em passos largos, com o otimismo que por mais tecnológicos que seremos, nunca perderemos nossa essência de colaboração e aprendizado constante.

[/vc_column_text][/vc_column][/vc_row]

Nossa palestra aconteceu da forma mais natural possível, falamos sobre o início da Eureka, desde a garagem da nossa casa até o momento atual, com mais de 4000m2 na . Percorremos temas como projeções financeiras, planejamento e claro: sobre os problemas e medos que temos todos os dias sendo empreendedores no Brasil. Tudo mediado pelo Anderson, do portal Movebla.

 

O mercado de coworking

Como primeira experiência neste encontro, ficamos muito felizes em ver um mercado que está amadurecendo e, assistindo as palestras, podemos perceber claramente que as pessoas estão apresentando muitos números e perspectivas positivas para o futuro.

 

Na sessão intitulada “Fuckup Session” recebemos três ex-fundadores que desistiram dos seus negócios e compartilharam um pouco dos erros cometidos. Foram recebidos com muito louvor, como ex combatentes de uma guerra, e suas experiências tratadas com muita seriedade por quem estava lá.

 

O resultado deste evento de dois dias foi muito positivo, vivemos o verdadeiro compartilhamento de informações, dentro de um espaço compartilhado onde o futuro do trabalho se desenha em passos largos, com o otimismo que por mais tecnológicos que seremos, nunca perderemos nossa essência de colaboração e aprendizado constante.

[/vc_column_text][/vc_column][/vc_row]

 

Nossa palestra aconteceu da forma mais natural possível, falamos sobre o início da Eureka, desde a garagem da nossa casa até o momento atual, com mais de 4000m2 na avenida Paulista. Percorremos temas como projeções financeiras, planejamento e claro: sobre os problemas e medos que temos todos os dias sendo empreendedores no Brasil. Tudo mediado pelo Anderson, do portal Movebla.

 

O mercado de coworking

Como primeira experiência neste encontro, ficamos muito felizes em ver um mercado que está amadurecendo e, assistindo as palestras, podemos perceber claramente que as pessoas estão apresentando muitos números e perspectivas positivas para o futuro.

 

Na sessão intitulada “Fuckup Session” recebemos três ex-fundadores que desistiram dos seus negócios e compartilharam um pouco dos erros cometidos. Foram recebidos com muito louvor, como ex combatentes de uma guerra, e suas experiências tratadas com muita seriedade por quem estava lá.

 

O resultado deste evento de dois dias foi muito positivo, vivemos o verdadeiro compartilhamento de informações, dentro de um espaço compartilhado onde o futuro do trabalho se desenha em passos largos, com o otimismo que por mais tecnológicos que seremos, nunca perderemos nossa essência de colaboração e aprendizado constante.

[/vc_column_text][/vc_column][/vc_row]

 

Aos poucos a nossa laje foi se transformando em um verdadeiro local de conexões, com mais de 100 pessoas em busca de novas informações e ansiosos para assistir as mais de 20 palestras confirmadas. Eu e a Fanny, minha sócia e esposa, nos preparamos para falar às 10h40 sobre as dores e as maravilhas do crescimento, ao lado do Paulo Futami, fundador do Urban Coworking, primeiro espaço de trabalho compartilhado dentro do aeroporto internacional de Guarulhos.

 

As dores e as delícias do crescimento

 

Nossa palestra aconteceu da forma mais natural possível, falamos sobre o início da Eureka, desde a garagem da nossa casa até o momento atual, com mais de 4000m2 na avenida Paulista. Percorremos temas como projeções financeiras, planejamento e claro: sobre os problemas e medos que temos todos os dias sendo empreendedores no Brasil. Tudo mediado pelo Anderson, do portal Movebla.

 

O mercado de coworking

Como primeira experiência neste encontro, ficamos muito felizes em ver um mercado que está amadurecendo e, assistindo as palestras, podemos perceber claramente que as pessoas estão apresentando muitos números e perspectivas positivas para o futuro.

 

Na sessão intitulada “Fuckup Session” recebemos três ex-fundadores que desistiram dos seus negócios e compartilharam um pouco dos erros cometidos. Foram recebidos com muito louvor, como ex combatentes de uma guerra, e suas experiências tratadas com muita seriedade por quem estava lá.

 

O resultado deste evento de dois dias foi muito positivo, vivemos o verdadeiro compartilhamento de informações, dentro de um espaço compartilhado onde o futuro do trabalho se desenha em passos largos, com o otimismo que por mais tecnológicos que seremos, nunca perderemos nossa essência de colaboração e aprendizado constante.

[/vc_column_text][/vc_column][/vc_row]

No Sábado 26 de janeiro de 2019 às 6h da manhã, dia ensolarado na capital paulista, abrimos a Eureka Coworking localizada na Avenida Paulista para receber fundadores de espaços compartilhados de trabalho do país inteiro. Uma mistura de ansiedade e medo tomava conta de nós, a incerteza de como seria este evento com tantas pessoas que querem, assim como nós, crescer os seus espaços e acreditam em uma .

 

Buscando a essência da palavra, aquele seria o momento de soltarmos as amarras e compartilharmos nossas experiências no mercado, recebendo como recompensa mais conhecimento por meio dos relatos de outros empreendedores.

 

Aos poucos a nossa laje foi se transformando em um verdadeiro local de conexões, com mais de 100 pessoas em busca de novas informações e ansiosos para assistir as mais de 20 palestras confirmadas. Eu e a Fanny, minha sócia e esposa, nos preparamos para falar às 10h40 sobre as dores e as maravilhas do crescimento, ao lado do Paulo Futami, fundador do Urban Coworking, primeiro espaço de trabalho compartilhado dentro do aeroporto internacional de Guarulhos.

 

As dores e as delícias do crescimento

 

Nossa palestra aconteceu da forma mais natural possível, falamos sobre o início da Eureka, desde a garagem da nossa casa até o momento atual, com mais de 4000m2 na avenida Paulista. Percorremos temas como projeções financeiras, planejamento e claro: sobre os problemas e medos que temos todos os dias sendo empreendedores no Brasil. Tudo mediado pelo Anderson, do portal Movebla.

 

O mercado de coworking

Como primeira experiência neste encontro, ficamos muito felizes em ver um mercado que está amadurecendo e, assistindo as palestras, podemos perceber claramente que as pessoas estão apresentando muitos números e perspectivas positivas para o futuro.

 

Na sessão intitulada “Fuckup Session” recebemos três ex-fundadores que desistiram dos seus negócios e compartilharam um pouco dos erros cometidos. Foram recebidos com muito louvor, como ex combatentes de uma guerra, e suas experiências tratadas com muita seriedade por quem estava lá.

 

O resultado deste evento de dois dias foi muito positivo, vivemos o verdadeiro compartilhamento de informações, dentro de um espaço compartilhado onde o futuro do trabalho se desenha em passos largos, com o otimismo que por mais tecnológicos que seremos, nunca perderemos nossa essência de colaboração e aprendizado constante.

No Comments

Post A Comment

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Login

Register

terms & conditions