Startup Weekend LGBTI+: saiba como foi o evento

Startup Weekend LGBTI+

Startup Weekend LGBTI+: saiba como foi o evento

Um final de semana de inovação e criação focado em startups LGBTI+ aconteceu de 29 de novembro a 01 de dezembro na cidade de São Paulo, com apoio da Eureka Coworking. O segmento trouxe participantes para aprender novas metodologias de inovação para solucionar problemas do mercado.

Mas por que um final de semana focado no público LGBTI+? O potencial deste público é enorme, segundo Otávio Stolf, um dos organizadores do evento. “Atualmente já se fatura ao menos 150 bilhões de reais anualmente. Somente na Parada da Diversidade de SP de 2019 faturamos 413 milhões de reais em serviços diretos e indiretos. O ‘pink money’ já vale muito e é inegável que somos um nicho de mercado com demandas que precisam ser supridas como qualquer outro, mas ainda falta tato para entender que, antes dele (pink money), há uma comunidade ainda muito estigmatizada por várias questões”, aponta Stolf.

Startup Weekend LGBTI+-236

O Startup Weekend LGBT+ reuniu 100 participantes, com destaque para projetos de impacto social na comunidade. As ideias foram apresentadas no formato de “pitch” e profissionais da área, sob a responsabilidade de mentores e jurados, guiaram a competição.

Os três primeiros lugares foram conquistados pelos seguintes projetos:

1º SÓ VOU – Plataforma de divulgação, avaliação e venda de ingressos de lugares LGBTI-friendly;

 

2º BEATY.CO – Coworking do ramo de beleza para profissionais LGBTI+ que também oferece cursos profissionalizantes para inserção no mercado de trabalho;

 

3° DIVERDADE – Plataforma que fornece dados sobre LGBTIfobia no meio corporativo, concentrada nos relatórios anônimos de usuários.

Startup Weekend LGBTI+-180

Stolf aponta que seguirá com todo o apoio possível após o evento “para fazer nascer o próximo unicórnio brasileiro”. Além disso, ele afirma que está pensando em jornadas para todos se manterem unidos. “Comunidade é isso, precisamos estar juntos para nos fortalecer”.

Ainda não há previsão para uma nova edição do Startup Weekend LGBTI+, mas a ideia é que aconteça, sim, de acordo com Stolf. Ponto para a comunidade e todos os simpatizantes da causa!

E aí, o que achou da iniciativa apoiada pela Eureka Coworking? Conte pra gente nos comentários.

No Comments

Post A Comment

Abrir chat
1
Precisa de ajuda?
Olá! Aqui é o Daniel.
Posso lhe ajudar?